Fim do trote violento nas Universidades

A Lei de autoria do deputado estadual Ismael dos Santos determina que alunos que participarem de trotes acadêmicos (violência física ou moral) ficarão proibidos de se beneficiarem dos recursos do Governo do Estado destinados a bolsas de estudos no ensino superior.

“Não é admissível que alunos simpatizantes da baderna e da violência frequentem uma faculdade às custas do dinheiro do contribuinte”, defende Ismael.

Ismael se baseou na lei 11.158 de julho de 1999, que também prevê punições duras aos alunos que infringirem a legislação. A proposta da lei do deputado é que além da perda da bolsa do Artigo 170, o aluno que praticar trote violento fica sujeito a todas as demais penalidades.

INFORMAÇÃO É PODER

Acesse a Lei nº 546, de 27 de setembro de 2011

número do candidato 55777 em amarelo

Fonte: Assessoria de Imprensa do Deputado Ismael
Crédito da imagem de cabeçalho: Acervo freepik

Se gostou, compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *